Motivos Tebane - 4 Motivos para assistir Ao Haru Ride!

Sinopse: No Colegial Futaba decide enfim mudar tudo na sua vida, agora ela quer amigas! Para tal, ela precisa resolver um problema bem incomum: Sua beleza! Como é bonita e muito doce, todos os caras do fundamental sempre correram atrás dela, como presente ela ganhou a paixão dos garotos e como maldição o ódio das meninas. No Colegial ela decide mudar sua personalidade e aparência a fim de evitar problemas, e assim ela se torna bruta e desajeitada, come muito e não se preocupa com sua aparência. Tudo vai muito bem, ela até tem algumas amigas bem inconvenientes, isso até Tanaka Kou ressurgir do passado, ele foi o único que Futaba realmente amou, porém no reencontro ela percebe que ele mudou não só em aparência, mas sua personalidade se transformou totalmente. Agora, Futaba está entre o amor de sua vida e a amizade que sempre desejou.



4 Motivos para ver Ao Haru Ride!


#1 Romance gradual! - Essa é uma obra de demografia Shoujo, normalmente obras assim identificadas tendem a ser longas e as vezes cansativas com arcos e arcos dedicados a muito pouco avanço do enredo, mas esse não vem a ser o caso de Ao Haru Ride, que já impõem um ritmo que vai acelerando gradualmente conforme há o enfoque na backstory dos protagonistas. Mas, também não é aquela obra que entrega de pronto tudo que o espectador quer ver, é um anime e mangá que sabe gerar expectativa antes de dar a cena que o espectador tanto espera. Outro ponto legal, é que o romance exposto na obra não sugere uma doença psiquiátrica como em tantas obras faz parecer, nesse caso as investidas românticas funcionam mais como um remédio para os protagonistas que como um veneno mortal.

#2 Drama Impactante - AH, o Drama. Quem lê meus artigos a mais tempo sabe com certeza absoluta o quanto o drama me encanta, e devo dizer que em grande parte das obras orientais que esse elemento encaixa, ele se torna um ponto negativo e não positivo! Em prol de preservar inocência do personagem, muitos autores abrem mão da criação de dramas realmente impactantes, é normal em animes e mangás que os dramas levantados sejam de resolução a curto prazo, poucas vezes nos deparamos com situações desesperançosas e sem uma verdadeira solução. E é ai que eu sou obrigado a mais uma vez dar mérito a Sakisaka, autora de Ao Haru Ride. Nesse anime você vai encontrar ousadia, uma proposta de drama que de fato vai te causar uma profunda tristeza, durante o anime algumas situações são impossíveis de serem solucionadas, o mais longe que a trama nos leva é em um contorno para cada dano sofrido. Mas bom, expectativa é criada justamente da incerteza, não é mesmo? Uma obra que não ousa em causar verdadeiros prejuízos ao elenco, é falha em criar um verdadeiro desespero pela conclusão não é?


#3 Trilha Sonora - Normalmente — se estivesse em boas condições psicológicas — eu não citaria a trilha sonora como motivo para assistir um anime, quer dizer, se a trilha sonora é boa, vá escutar música! Mas, vou abrir uma exceção aqui, afinal seria um pecado escrever um artigo e não citar a obra de arte musical que é a trilha sonora de Ao Haru Ride. Abertura ao som de Sekai wa Koi ni Ochiteiru, música simplesmente fantástica que em sua letra acaba dando maior ênfase no ponto romântico da obra, e no encerramento temos a inesquecível e marcante Blue. Não bastando a obra sempre começar com uma música boa e terminar com uma ótima, ainda temos toda a OST cheia de sincronia com o anime. Diversos são os momentos onde podemos apreciar belos cenários, onde o romance cresce não só como cena visual, mas também como cena audível.


#4 Verás até o fim! - Olha só o ponto que chegamos! É uma pena, mas vou precisar gloriar um anime só pelo fato de que você espectador vai ter acesso a ele do inicio ao fim. O Anime não adapta o mangá até o fim, e isso não é novidade para ninguém, pouquíssimos são os mangás totalmente adaptados, principalmente em se tratando de romance, gênero conhecido por obras longas, normalmente o que temos se assemelha muito com um pequeno trailer animado do mangá, e quem deseja saber o final precisa recorrer aos quadrinhos japoneses mesmo. O caso é que infelizmente não é sempre que você vai conseguir o conteúdo em português, mesmo quando se aventura pela internet a fora, não é fácil encontrar mangás finalizados para ler, porém aqui temos uma exceção. É verdade que Ao Haru Ride não tem fim adaptado, porém a editora Panini publicou o mangá aqui para nós Brasileiros, então, vale o esforço de ver o anime e gostando correr para comprar, ler e colecionar todo a obra, com conforto e qualidade que você merece! AH, e o subtítulo "Verás até o fim" também pode ser interpretado da seguinte forma: Você não terá coragem de largar esse anime pela metade!


E se você largou esse anime pela metade, não o finalizou, nesse momento a praga está lançada: Vai lembrar todo dia antes de dormir da Futaba chorando e ela vai te assombrar! Todo Dia! Pensou que ela estava brincando? Hahaha, enfim, contem para mim também os motivos de vocês para gostarem ou não do anime, okay?