Motivos Tebane - 5 Motivos para assistir Chihayafuru!



Sinopse: Chihaya quando criança tinha um grande ídolo em sua vida: sua irmã mais velha, que com sua beleza e carisma se tornou desde cedo modelo e foi logo sendo o centro das atenções da família. Chihaya só tinha o sonho de ver sua irmã famosa e bem sucedida, até que conhece Arata, um talentoso jogador de Karuta (Jogo de cartas Japonês) mesmo sendo uma criança. Após uma partida do jogo japonês, a pequena Chihaya acaba despertando em seu coração o desejo de um dia se tornar a grande rainha do Karuta, o maior título dado a uma jogadora feminina.  Porém Arata acaba chamando a atenção de Taichi, o garoto mais popular da classe, que é apaixonado secretamente por Chihaya, e ele com toda sua inteligência e capacidades acaba se jogando também no mundo do Karuta. O grande choque de Chihaya vem logo em seguida, quando é separada de Arata, que acaba se mudando para longe, deixando para trás Chihaya, Taichi e a promessa de que através do Karuta se encontrariam um dia. Muitos anos se passam, e no colegial Chihaya reencontra Taichi, e o convence a formar novamente um clube de Karuta no colegial, mas como os anos se passaram Chihaya se tornou uma jogadora de alto nível, e Taichi não evoluiu nada, pois parou de jogar. Juntos, e cheios de ânimo, eles começam a sua jornada para um dia encontrarem Arata, isso através do Karuta.


5 Motivos para ver Chihayafuru!


#1 Cultura Japonesa! - Não é incomum que o apaixonado por animação, aquele fã que assiste anime por amor, se torne também um obcecado por cultura japonesa; e se quer saber talvez não seja tão simples encontrar um anime que te permita se aproximar da cultura mais pura do país do sol nascente. Chihayafuru é bem esse tipo de anime exceção, que ao invés de te apresentar a Youkais ou ninjas, deseja te levar para um lado não tão conhecido da cultura; o anime te apresenta o Karuta, um jogo que é basicamente exclusivo do Japão, e em muito carrega a cultura japonesa, seja na dinâmica do jogo, seja no conteúdo dos poemas contidos nas cartas do jogo. Enfim, é uma face do Japão que você precisa conhecer!

#2 Combate sem combater! - Agora você pode tentar entender o título, me xingar e continuar lendo; mas é bem sério! Chihayafuru usa de uma variedade do ramo da ação; sabe quando o anime apresenta uma disputa tão acirrada, e ao mesmo tempo não há uma real batalha física entre os lados opostos da disputa? Então, é isso que chamamos de combate indireto! Durante os episódios do anime podemos contemplar em quantidade esse tipo de conflito sem armas e agressão física, mas que ainda dá um nervoso de gelar o estômago, suar as mãos e tremer as pernas! É sério, o anime te leva ao auge da expectativa com suas disputas de Karuta, a um ponto que você vai estar torcendo para a Chihaya como se a vida dela e sua dependesse disso!


#3 Boa Adaptação - Esse é um anime queridinho do público, um anime que quem é fã simplesmente é fã; e a obra realmente merece todos os elogios que saem das bocas dos muitos fãs! A adaptação de Chihayafuru é formidável, para uma obra que já carrega duas temporadas de vinte e cinco episódios, podemos dizer que é realmente formidável que não há pouca perda de conteúdo na transição de mangá para anime. O melhor disso tudo, é que com uma adaptação tão fiel, a obra se alonga através dos anos, e dessa forma contemplamos uma obra completa, que não passa a impressão de "trailer de mangá" que muitos animes acabam tendo por serem curtos, de adaptação com perdas e para piorar, sem conclusão alguma; quando não com conclusão em filler.


#4 Continuação e não enrolação - Continuando em um assunto bem próximo do terceiro motivo ali em cima, vamos falar de uma possível conclusão da obra em algum momento da vida. O mangá de Chihayafuru escrito e ilustrado por Suetsugu Yuki, serializado na revista Be Love, segue em publicação desde o ano de 2007, contando com mas de trinta volumes; uma obra longa e que ainda não tem data para ser encerrada. E considerando que o anime vendeu, e o mangá ainda vende bem, podemos facilmente imaginar continuações vindo por ai, e quem sabe um dia, e isso com bastante possibilidade, veremos Chihayafuru totalmente adaptado para anime!

#5 Carisma é o nome da coisa - Sim, para concluir quero falar de carisma. O elenco da obra pode ser resumido pela palavra "cativante". E eu digo isso não só pela protagonista Chihaya, que claramente é o centro das atenções, mas não sempre, já que a obra sabe muito bem medir o quanto de protagonismo a garota precisa ter. O resto do elenco ganha muita atenção e tempo para que o espectador comece a filtrar seus favoritos. De protagonista, mas menos protagonistas que a Chihaya, temos Taichi um cara simplesmente apaixonado pela garota avoada e de coração livre que é a Chihaya, e ao mesmo tempo Taichi é o grande rival de Arata; esse invencível no Karuta, e implacável no amor, mas Taichi ainda segue sendo o mais inteligente do elenco, e possivelmente o personagem masculino mais carismático. Enfim, carisma não falta no elenco, tem até a chance de você começar a torcer pelos "vilões" que vão surgindo, afinal são muitos personagens atrativos para pouco anime!

*Postado originalmente em 23/01/2017

E você? Quais são seus motivos para gostar ou não de Chihayafuru? Aproveite e liste abaixo....