Conclusão da temporada Verão 2016!



Bom pessoal, a temporada foi boa enquanto durou, nessa temporada nos deparamos com ótimos animes, emocionantes, alegres, tristes, engraçados, enfim muitas foram as emoções, mas infelizmente tudo que é bom, uma hora acaba, esse artigo como já é de costume é o artigo para "fechar" essa temporada, e iniciar a nova temporada, abaixo a conclusão minha dos animes que julguem serem os mais marcantes da temporada para mim.


-91 Days

Estúdio:  Shuka
Episódios:
12
Opinião:

Esse era o anime mais esperado pela Natalia, digo Kaguya, eu em contra partida não estava tão ansioso por assistir, mas devo dizer que ainda tinha bastante curiosidade pela obra, gosto de tudo que é gênero de anime, basta contar uma boa história (exceto Mecha); em todo caso devo admitir que ao longo da temporada aprendi a gostar de 91 Days.

Há pouco tempo, me vi com uma pergunta na mente: Qual anime indicaria para alguém que nunca teve contato com essa mídia? Bom, devo admitir que isso me causou uma imensa dor de cabeça, afinal quase todas os animes são carregados em clichês e padrões japoneses que podem soar um pouco estranho a alguém que nunca viu um anime, conclusão? Talvez eu indicasse 91 Days! A obra foi bem divertida, com um cenário estabelecido em uma cidade mais próxima da realidade que de uma fantasia, e até o fim a obra foi bastante pé no chão, tendo uma conclusão até que contida em vista do esperado final explosivo que muitos tinham em mente. A obra abre com a triste história do protagonista, e fecha com ela; a vingança não é bonita, e não foi! Começou com sangue, terminou com sangue! O protagonista já não vivia desde a trágica noite onde sua família morreu, a vida dele era uma palha ao vento, não tinha valor algum; mas na sede por vingança ele arrastou até mesmo quem tinha uma vida pela frente, esse é o peso da vingança! A obra não quis dramatizar o fim, nos apresentou indecisão e receio entre matar alguém que lhe tirou tudo, mas também lhe deu bastante. Inclusive, Trilha sonora inesquecível, eu diria que a obra seria metade do que foi não fosse a trilha sonora selecionada com rigor.

Enfim, uma obra que não vou esquecer, e que valeu a pena assistir.

-Servamp

Estúdio: Brain's Base, Platinum Vision
Episódios:
12
Opinião:

A proposta foi boa, e a animação não foi tão ruim quanto eu esperava, o caso dessa obra foi a adaptação; quando o enredo foi transferido do mangá para o anime mais se perdeu do que se manteve, o anime foi apenas um fragmento todo deformado do que se tinha inicialmente. A obra em animação foi apenas um trailer horroroso do mangá; quem gostou deve ler o mangá desde o inicio e terá uma boa experiência, de resto nada se salvou no enredo todo picotado.

Quando me ponho a pensar sobre o anime, fico com um pouco de tristeza, a proposta foi tão legal, mas foi tão mal adaptada de forma irreversível, uma segunda temporada não salvaria; o único jeito de termos um anime decente de Servamp seria recomeçando tudo novamente, ignorando a existência desse, coisa que certamente não acontecerá, então os fãs da obra precisam apenas se conformar e aceitar que ler o mangá é a melhor forma de seguir em frente.




-Orange

Estúdio: Telecom Animation Film
Episódios:
13
Opinião:

Minha grande aposta na temporada! Eu admito que sinto orgulho em ter apostado nessa obra, e agora saber que ela de fato me agradou demais! Eu até comprei os mangás de Orange, e já falei disso aqui no blog em outro post; o romance foi muito legal, e por mais que alguém possa isolar alguns elementos da obra e criticar negativamente, eu ainda diria que a obra como um todo, vale a pena para quem gosta de romance e quem sabe até mesmo para alguém buscando um mistério pacifico!

Eu fiz reviews de todos os episódios de Orange, muito elogiei, a única coisa que não citei foram as falhas da animação! E se você leitor não conseguiu perceber essas falhas, eu digo que não precisa se preocupar, é coisa de gente chata, e eu como chato vou apontar para você que as cenas de fundo do anime normalmente eram compostas por séries de animação porca, com personagens repetidos e movimentação robótica. Bom, mas não vou falar mais nada de negativo sobre Orange, foi uma obra que eu gostei demais, e não quero destruir nem um pouco da imagem da obra por aqui, certo?

Orange me deixa com uma sensação de perda enorme, é triste ver que a temporada acabou, e que Orange finalizou, agora é olhar para frente e esperar novas obras e memórias nas novas temporadas que virão...

-Mob Psycho 100

Estúdio:  Bones
Episódios:
12
Opinião:

Aqui temos algo incrível! Antes de ver o primeiro episódio eu já tinha minhas expectativas por essa obra, afinal "é do mesmo autor de One Punch Man" é claro que eu e muitas outras pessoas tivemos esse pensamento em mente. Quando então vi o primeiro episódio, eu fiquei insatisfeito e me interrogando como o autor poderia ter mudado tanto de uma obra para a outra, e como a obra poderia ser tão bagunçada e sem sentido; HA-HA. É claro que na sequência de episódios que viria pela frente eu entendi que eu era burro, e que a obra é espetacular, uma obra singular e tão rica em méritos que eu precisaria de um imenso texto para começar a descrever de forma justa todo esse repertório de méritos!

Surpreendente, sim esse é Mob Psycho. Uma obra que conseguiu ir além, uma história tão simples e ao mesmo tempo tão complexa e cheia de simbologias! Eu admito que foi a minha maior surpresa na temporada, ela conseguiu de fato me prender e me conquistar!

O último episódio me decepcionou? Sim, não de uma forma negativa como essa palavra sugere, eu apenas esperava uma coisa e tive outra, eu estava querendo ver o Mob lutando com força total, mas não vi, no lugar vi algo igualmente interessante, decepcionado sim, descontente não...

Enfim, uma obra que eu não poderia me esquecer nem mesmo se tentasse, essa ficará no mesmo repertório de obras as quais espero a continuação!

-Fukigen na Mononokean

Estúdio: Pierrot Plus
Episódios:
13
Opinião:

A sinopse sempre nos engana, não é? Eu esperava algo bem voltado para o público fujoshi quando li sobre Fukigen, o interessante é que mesmo assim eu insisti em assistir o primeiro episódio, e não parei mais de assistir.

Resultado de minha tentativa de assistir? Bom, fui bem sucedido, assisti até o final sem dificuldades, a obra sempre nos traz alguns pequenas histórias sobre Youkais bondosos, histórias bem legais de assistir sem pressa ou expectativa, no fim não tivemos uma obra singular, épica, incrível, tivemos apenas um bom anime para assistir, e passar o tempo...

Bom, se um dia tiver uma continuação, eu assistirei sem problemas...

-Amaama to Inazuma

Estúdio: TMS Entertainment
Episódios:
12
Opinião:

Bom, sinopses não são as melhores conselheiras de um Otaku, garanto isso para vocês! Eu comecei a assistir Amaama To Inazuma com uma imagem totalmente diferente em mente, inicialmente eu já esperava que seria algo bem voltado em um pai criando uma criança, mas admito que eu esperava um difícil romance entre o professor e sua prestativa aluna; em todo caso quando comecei a assistir de verdade eu me desapeguei dessa imagem, o anime nunca nem deu espaço para algo assim acontecer.

Existem muitos animes culinários famosos por ai, mas a verdade é que na maior parte dos casos os personagens lançam um monte de ingredientes em uma panela e fazem coisas mirabolantes e surpreendentes, não raro fazem seu público ter orgasmos com o sabor dos alimentos; mas acho que a maior parte dos animes jamais chegará aos pés de Amaama To Inazuma na questão de abordar a culinárias, afinal em cada episódio do anime eu aprendi uma receita diferente; surpreendente a forma como a obra apresentou cada receita, os ingredientes e as medidas de forma bem aberta, e até mesmo dicas na hora de colocar em prática as receitas; e o pior é que todo episódio terminava comigo morrendo de fome, que coisa horrível...

Esse anime não é recomendado para quem não acabou de comer muito, fora isso passará fome assistindo as brincadeiras culinárias do elenco!

- Handa-kun

Estúdio:  Diomedea
Episódios:
12
Opinião:

Bom, eu sabia exatamente onde estava me metendo quando comecei a assistir, afinal eu já havia lido boa parte do mangá, além de até mesmo ter feito um post aqui no blog indicando o mangá; eu não estava indo ver algo exatamente surpreendente, então boa parte do que vi foi apenas ver o mangá ganhar vida em uma adaptação! O primeiro episódio eu considerei uma falha, mas o resto eu consegui aceitar muito bem, foi interessante acompanhar a comédia que é feita a volta do protagonista, e como o desenvolvimento de cada ação de Handa terminava em quase uma catástrofe de nível mundial. Gostei do non-sense e do exagero, além da construção de Handa como protagonista paranoico ao extremo.

Por fim, como não havia lido tanto do mangá, me surpreendi com o final onde Handa enfim foi liberto de sua paranoia, e gostei bastante dessa conclusão.

-Saiki Kusuo no Psi Nan

Estúdio: J.C.Staff, Egg Firm
Episódios:
85
Opinião:

Eu já tinha como certo que o humor da temporada seria Handa-Kun, e apenas abria espaço para Mob Psycho 100 roubar essa posição, resultado? Falhei. Saiki Kusuo No Psi Nan me surpreendeu em muitos aspectos, e eu pude gostar cada vez mais do anime a cada episódio, e devo dizer que cumpriu muito bem a missão de fazer rir, essa foi de longe a obra que que mais me tirou risadas na temporada.

É certo que muitos poderiam acusar a obra de simplicidade, e até mesmo de se tornar repetitiva após certo número de episódios, mas devo dizer que nada disso me importa, o anime me fez rir em todos os episódios, eu não consegui manter a compostura para fazer uma avaliação séria da obra, então posso apenas dizer para todos vocês, que esse anime é engraçado demais.

O maior porém da obra, é que se eu indicaria 91 Days para quem nunca viu um anime, em contrapartida eu só indicaria Saiki Kusuo No Psi Nan para quem já viu mais de uma centena de animes, afinal ele trabalha massacrando clichês e abusando de referencias e elementos presentes exclusivamente no mundo Otaku.

Enfim, um anime que quero ver o máximo de episódios que puderem ser produzidos. Inclusive, agora! Ha-Ha.


Bom, a temporada de verão acabou, e agora vamos rumo a temporada de outono, amanhã vamos começar a postar as primeiras impressões da temporada, e contamos com vocês leitores nessa nova temporada!

0 comentários:

Postar um comentário