Lendo uma História: The King Human - Capítulo 5


Capitulo 5: Inferno


Local: 10º Andar, Inferno
Horário: 08:00 am

Num campo de flores surge uma luz branca que ilumina tudo ao redor, assim que se dissipa aparece Lucain segurando Onna em seus braços. Confuso com o local que está, ele duvida que esse é o lugar correto. Um campo de flores, tão colorido quanto um arco-iris. Um céu azul, cheio de nuvens e até mesmo um Sol. Terras vermelhas como sangue.

Lucain:
-Hã? Esse lugar não pode ser o Inferno. Acho que aquela velha nos mandou para o lugar errado, isso aqui está muito alegre e colorido para ser o Inferno.

Onna:
-Tenha mais respeito com Dadjina, pirralho. E sim, estamos no lugar correto. Foi nisso que o inferno se transformou nos últimos 300 anos, graças a aqueles desgraçados Cavaleiros. Espera, por que você está me carregando?

Lucain:
-Você não está bem. É claro que o herói tem que te ajudar.

Onna:
-ME SOLTA SEU MERDA. QUEM MANDOU ME CARREGAR? ACHA QUE SOU UM LIXO DE PRINCESINHA?

Lucain então a solta, fazendo ela cair no chão.
-VOCÊ QUER MORRER? PORQUE EU VOU TE MATAR, SEU MERDA.
Onna gritou enfurecida.
Ele  então começa a pisar nela, sorrindo como louco.
-O que você falou Onna? Não te escuto, você está muito abaixo de mim. HAHAHAHAHA.
Ao agarrar a perna de Lucain, ela enfurecida o arremessa para longe e então se levanta. Mal consegue ficar em pé, demonstrando que suas forças estão voltando lentamente. Finalmente em pé sem ajuda dele, mas continua com uma expressão fraca. Ao olhar para ele deitado no chão após ter sido arremessado, ela diz.

Onna:
-Seu pirralha maldito, acha que pode brincar comigo? ENTÃO VOU DEIXAR VOCÊ BRINCAR COM MEUS PUNHOS, SEU DESGRAÇADO.

Lucain aponta para cima. Mesmo parecendo que aquilo era alguma brincadeira dele, Onna olha e vê 2 anjos sobrevoando eles, seu sorriso se manifesta. Ela pula em direção a eles, surpreendendo e agarrando as asas do primeiro anjo em sua direção. Um anjo com belas asas brancas, um rosto lindo e limpo, cabelos castanhos, olhos verdes claro, vestindo uma bata branca. Ambos caiem em uma velocidade alta. Ao se aproximar do chão Onna usa o corpo do anjo como amortecedor, evitando danos em si mesma. Já ambos no chão, ela em cima do Anjo sem ter sofrido dano algum, já ele está inconsciente por causa da queda. Colocando sua mão sobre o peito do Anjo seu corpo desaparece e vira uma bola amarela. Onna consome a bola que some em sua boca. Ela se levanta, sua feição muda e um pouco de sua energia retorna. Lucain já em pé, apenas observa tudo, enquanto segura o outro anjo pela cabeça com sua mão. Um anjo loiro, olhos azuis, rosto lindo e limpo, vestindo uma bata branca igual ao outro, mas em um estado inconsciente.
-Quando foi que ele o pegou?
Pensou Onna sem acreditar em sua velocidade. Lucain com uma feição não muito alegre, joga o anjo em direção dela, caindo diante seus pés. Onna faz o mesmo procedimento anterior e consome outra bola amarela.

Lucain:
-Esses caras me tiram do sério, todos parecidos e bonitos... Mas você parece estar bem melhor agora. Deixa eu adivinhar, isso são as almas deles. Certo?

Onna:
-Sim. Comer elas recuperou uma quantidade boa dos meus poderes, já estou me sentindo bem melhor. Mas acho que você quer algumas explicações.

Lucain:
-De fato, há muitas coisas estranhas acontecendo aqui.

Onna:
-Bem, vamos por parte. Esse é o 10º piso do inferno, o motivo dele ter ficado desse jeito é pela morte do antigo Rei Demônio. Quando ele morreu, o tempo e espaço que separava a Terra do Inferno foi rompido, agora estamos conectados diretamente. Como pode ver está de dia, mas quando entramos pelo portal da Dadjina estava noite, isso é devido que a fenda do inferno está posicionada no Japão.

Lucain:
-A fenda que você diz, seria um espaço rompido na Terra que conecta o inferno? Mas se for isso, não era para os humanos terem encontrado já?

Onna:
-Sim. Por isso nós escolhemos dois dos mais fortes do inferno para proteger a fenda, assegurando que nenhum humano a encontre. Provavelmente você já deve ter ouvido falar deles, Leviatã e Satã. E antes que pergunte, Satã é apenas um subordinado e não o próprio Rei. Muitos humanos os confundem, pode ser visto isso em suas religiões.

Lucain:
-Interessante... isso explicaria muitas coisas. Mas e quanto aos anjos?

Onna:
-Sobre eles... é um assunto complicado. Com essa fenda aberta, os demônios começaram a fugir do inferno como loucos atrás de comida na Terra. Então o inferno começou a ter quedas gigantescas por causa dos Caçadores que estão matando todos . Para diminuir isso e amenizar tudo, Deus mandou seus anjos para cá. Como a fenda está aberta, fica fácil para eles invadirem e impedirem que demônios fujam.

Lucain:
-Se eles estão os ajudando, porque eliminar esses dois?

Onna:
-HÃ? O QUE VOCÊ ESTÁ INSINUANDO SEU PIRRALHO DE MERDA? SE EU QUISER VER FADINHAS BONITINHAS VOANDO POR AI, EU VOU PARA AS TERRAS MÁGICAS.

Lucain:
-Imaginei... ha ha.

Onna:
-Vamos para a cidade, em busca do portal.

Lucain:
-Espera. Cidade? Existe isso aqui?

Onna:
-É claro. Mais de 300 anos com essa fenda, aprendemos umas coisas ou outras com os humanos.

Após sua conversa longa, ambos se dirigem ao norte. Em busca da misteriosa cidade no inferno e do primeiro portal.

Capitulo 5: Fim
Página: 06
Autor: Devys


-----------------------------------------------------------------------

Caso gostem, comentem e divulguem para seus amigos!!
Abri uma página no Facebook Oficial para a história!! The King Human Página

0 comentários:

Postar um comentário