Uma Primeira Impressão - Taboo Tattoo



Nova temporada, novas primeiras impressões, dessa vez da temporada de Verão (Julho) 2016!

A Primeira Impressão é obviamente referente apenas ao primeiro episódio do anime, ou seja, ela é feita assim que o episódio 01 estreia e não será atualizada após o lançamento do resto da obra!


Nome: Taboo Tattoo
Gênero: Ação
Sinopse: Um jovem que treina artes marciais chamado Justice um dia protege um mendigo que estava sendo atacado por alguns marginais, e o mendigo lhe dá uma pedra que se transforma em uma tatuagem na palma da mão de Justice. Essa tatuagem é uma arma militar secreta e perigosa que concede poder aos usuários, e há um grupo do exército que caça os usuários ilegais dessa tatuagem para recolherem o poder de volta ao governo Justice conhece uma garota do exército que está atrás da tatuagem que ele possui e se vê obrigado a se juntar ao grupo para caçar por mais usuários ilegais e eliminá-los.





Segue abaixo a Primeira Impressão sobre Taboo Tattoo;
(Opinião A // Opinião B)


Traço/Gráfico: 7.0
Motivo: Os traços são muito pesados, com contornos fortes e tons escuros para cenários e personagens, abusando de uma variação de cores em cabelos e em roupas de personagens, assim como em cenários, entretanto esbanjando tons mais acinzentados e pálidos. 

A movimentação da animação é um pouco estranha, mas não chega ser desconfortável, admito que do ponto de vista técnico foi uma obra bastante difícil de analisar, afinal a animação é bastante diferente do comum.  

Os cenários em segundo plano são bem complexos e detalhados até certo ponto, normalmente sempre escuros ou acinzentados e com pouca movimentação. 

 A movimentação de batalha é incrível, cheia de detalhes e ângulos, é um dos pontos altos da animação, e certamente o que destacou essa obra até então.

Traço/Gráfico: 7.0
Motivo: O gráfico dos cenários é o mais bem feito que já vi até agora, contendo cores e detalhes um pouco mais escuros, dando um ar de sombrio ou de cotidiano quando necessário. Já o traço dos personagens foi o que me deixou muito confuso, ao mesmo tempo é bonito, mas ao mesmo tempo estranho, com formas e sombras bem marcadas de um modo que chega a parecer um suave 3D às vezes embora não seja.
O que é um enorme ponto negativo é toda a armação para Ecchi, que embora não tenha sido usado, está no gatilho para vir a qualquer momento e destruir tudo, principalmente falando do tamanho desnecessário dos peitos da amiga do protagonista



Personagens: 8.0
Motivo: Esse foi o melhor protagonista que pude observar em muito tempo, ele sabe lutar, não é o idiota genérico que só fica fugindo ou tremendo de medo olhando tudo acontecer; Ele estende as mãos e vai para o pau sem medo, e odeia ser derrotado. 

A amiga do protagonista é uma grande linha indecisa, ela parece ao mesmo tempo ser horrivelmente chata, ou seja, a amiguinha de infância que sempre gostou do protagonista, nunca disse nada e se ele falar "calma aí que vou no banheiro', ela emburra e briga com ele; E também uma personagem engraçada de observar (digo isso por causa do vegetal que ela estourou na cara). Não sei em qual lado dessa divisa de "chata" ou "engraçada" ela vai ficar...

A outra garota me pareceu meio que neutra, ela é séria, mas sabe rir, sentir vergonha ou fazer piadas às vezes, nem chata nem legal, apenas comum. 

Personagens: 7.0
Motivo: Em questão de identidade visual, casa personagem parece um clichê já conhecido: Amiga de infância, garota misteriosa e atrapalhada... Mas a verdade é que até então isso não passou de um estereótipo, afinal o jeito de agir dos personagens é muito diferente do que a aparência sugere. Os personagens até então foram todos surpreendentes e cheios de ações imprevisíveis. 

Justice, um protagonista que carrega a justiça em seu nome e alma, sendo decidido em suas ações, e nunca permitindo atos injustos continuarem, um protagonista forte, destemido e com uma identidade visual que demonstra sua forma e destreza em artes marciais.

Bluesy, uma misteriosa garota desastrada, decidida e cheia de força. Ao contrário do que sugere a aparência ela não é teimosa, consegue ser surpreendentemente dócil e auxiliar o desorientado protagonista.

Todos os personagens um pouco explorados nesse primeiro episódio se demonstraram ao menos envolventes e livres dos cansativos clichês básicos dos animes.


Enredo: 7.0
Motivo:  Um enredo que mistura o básico com algo além. A história do protagonista aleatoriamente escolhido para portar um poder sobrenatural de incríveis magnitudes, porém com o fator extra que o protagonista logo prova merecer de fato carregar tamanho poder, usando com decisão e sem hesitar no momento que se faz necessário. Mesmo com um inicio bem clichê, próximo do banal, o desenvolvimento do primeiro episódio conseguiu prender a atenção, e criar expectativa. A história baseada em "tatuagens" que concedem poderes especiais, iniciou sem expectativa, mas no decorrer dos conflitos do episódio inicial conseguiu se demonstrar intrigante.

Com combates intensos e violentos, com golpes bem animados e a introdução de uma crescente expectativa de como será desenrolado cara embate, a obra conseguiu se tornar divertida e atraente.

Enredo: 8.5
Motivo: Julgando o enredo como o que de fato aconteceu ali e deixando minhas previsões apenas para a parte de expectativa para não descer essa nota injustamente, devo dizer que achei a base da história muito interessante, assim como os poderes como um todo e principalmente os combates! Que combates mais lindos que tivemos! Eles não vão ficar conversando meia hora nem economizando frames pelo jeito e eu tive o prazer de ver o chute na cara mais lindo da minha vida. 
Na minha opinião, se você contar o anime tirando ou mudando o enredo que temos, a nota geral dele cai para menos de 3.0 no conceito de quase todo mundo. Na real, a única coisa que me fez não perder a atenção no meio do episódio foi a base de enredo, que sozinho faz do anime algo que vale conferir. 

O único problema de andamento que vi foi no "micro-moe" que tivemos em cenas de meio segundo que tentavam suavizar o clima no meio de momentos tensos e ao mesmo também fazer tal personagem parecer bonitinha, coisa que para mim corta o ambiente e atrapalha ao invés de suavi-lo. 


Abertura/Encerramento: 7.0
Motivo: Abertura com o padrão de apresentação de personagens, muita movimentação seguindo um ritmo bem marcado pela música animada, uma abertura bem executada com animação bem desenvolvida, apesar de que com fundos na maior parte abstratos e sem relevância. 

Em contraste a abertura, o encerramento é feito com imagens estáticas de personagens sem nenhum movimento e sem fundo algum em segundo plano. Uma música excessivamente animada, que não combina com o encerramento.

Abertura/Encerramento: 7.0
Motivo: A abertura foi intensa e com uma música tão bem sintonizada que a minha sensação foi de já estar habituado a admirá-la, como se já tivesse a visto várias vezes e nunca perdido o interesse. 
... Porém o encerramento mostrou com foco cada possível usuário de tatuagem que teremos e isso foi meio sem graça, porque estraga a expectativa em conhecer como é o próximo usuário e já mostrou uma coisa que pode matar o anime; Basicamente só tem mulher nisso


Expectativa: 7.5
Motivo: Minha expectativa fica dividida nessa obra, mas eu gostaria de ver o desenvolvimento tão interessante quanto foi o primeiro episódio para os demais. Uma obra que em seu primeiro episódio evitou qualquer tipo de apelação sexual, e ao contrário do que eu imaginava abusou das cenas de combates exagerados e cheios de reviravoltas, espero que a obra siga por esse caminho cheio de ação e suspense.

Expectativa: 6.5
Motivo: Eu consigo ver tão nitidamente quanto vi o tamanho dos peitos da amiga do protagonista o perigo de Ecchi rondando a obra para aparecer. Já tinha pesquisado sobre o mangá por já estar temendo muito que tivéssemos uma coisa pornográfica e sei que nele a coisa é feia, e o fato da maioria dos personagens prometidos serem mulheres também aumenta mais ainda o risco... MAS eu não vi nenhum sinal realmente alarmante de que o anime tem a intenção de levar as coisas para esse lado, parece que ele só manteve o designer "peitoso" porque no mangá a garota é assim...

De qualquer forma, minha expectativa é tão baixa assim por causa disso, esse anime em quase todos os aspectos está no meio de um muro onde um lado temos uma falha e do outro temos um anime épico.