Uma Primeira Impressão - Amaama to Inazuma


Nova temporada, novas primeiras impressões, dessa vez da temporada de Verão (Julho) 2016!

A Primeira Impressão é obviamente referente apenas ao primeiro episódio do anime, ou seja, ela é feita assim que o episódio 01 estreia e não será atualizada após o lançamento do resto da obra!


Nome: Amaama to Inazuma
Gênero: Cotidiano
Sinopse: O anime conta a história de um homem chamado Kouhei que tem que criar sua filha, uma garotinha chamada Tsumugi, sozinho e as dificuldades de seu dia a dia em conciliar seu trabalho em uma escola e o tempo para cuidar dela. 











Segue abaixo a Primeira Impressão sobre Amaama to Inazuma;
(Opinião A // Opinião B)


Traço/Gráfico: 9.0
Motivo: Um gráfico muito bem detalhado e articulado, o melhor que vi na temporada até então e traços incrivelmente complexos e ao mesmo tempo simples! O cabelo da Tsumugi é uma coisa que me chamou muito a atenção, ele é cheio de camadas e direções, imagino o trabalho que deva ser demorado desenhá-lo, assim como o rosto dela, que realmente transmite a idade que ela tem.

Traço/Gráfico: 8.5
Motivo: Cenários complexos, ricos em detalhes e variados em texturas, paisagens bonitas e bem terminadas, e objetos de segundo planos devidamente detalhados. O anime apresenta uma riqueza única de tons bem escolhidos e animação fluída e bem movimentada. Os elogios a animação podem ser estendidos desde a cenários até a animação dos personagens, que ficou ótima!





Personagens: 8.5
Motivo: As personalidades de pai e filha são o que eu esperava; Ela nem tendo seis anos de idade ainda, inocente e muito animada, e ele se esforçando muito para manter a casa trabalhando, mas também não querendo deixar de dar atenção a ela. Eu sinceramente adorei os personagens por seu realismo. E um outro ponto que me chamou atenção foi o sotaque bizarro que Tsumugi tem, eu não sei de onde ele pode ter vindo, mas é só questão de costume até ele parar de me desconcentrar.  

Sobre a garota chamada Kotori, devo dizer que quando vi a cara dela já pensei “Fujoshi desesperada”, mas eu estava errado e ela se mostrou algo entre esforçada e solitária, uma personalidade que até então não me causou nenhum julgamento negativo ou positivo, mas imagino que ela vá passar a ajudar bastante Kouhei a cozinhar jantares dignos.
 
Personagens: 8.5
Motivo: Os protagonistas Tsumugi e Kouhei são carismáticos e divertidos, suas identidades visuais são marcantes e inconfundíveis, assim como é o caso de Kotori, a terceira protagonista da obra. Mesmo para um primeiro episódio tão cheio de acontecimentos a serem introduzidos, os personagens foram bem desenvolvidos inicialmente, e já se tornaram marcantes e cativantes.

Kouhei como pai solteiro (viúvo), já logo no primeiro episódio conseguiu expressar a dificuldade que sente em criar uma criança sozinho, mesmo sem precisar dizer nenhuma palavra. As atitudes desse personagem são consistentes e ricas em detalhes, é interessante o observar sendo o que deveria ser: Um pai atrapalhado, mas esforçado, deixando de lado sua própria saúde. Uma figura paterna bem contrastante com o que normalmente encontramos em obras nipônicas.

Tsumugi foi bem sucedida em ser criança. Pode parecer estranho, mas para o mundo da animação, uma criança ser criança não é algo tão comum, suas atitudes são exatamente as esperadas de uma criança de sua idade, sem resquício de maturidade ou humor sexual normalmente impostos para figuras infantis em obras cotidianas.




Enredo: 8.0
Motivo: A proposta bastante simples entregue pelo o anime, é o cotidiano bem simples de um pai solteiro e uma criança feliz, tendo assim o pai que zelar por sua filha mesmo com dificuldades diárias. A obra foi bem em introduzir personagens carismáticos, e um humor tão despretensioso que chega a ser gostoso assistir o cotidiano inocente e simples de pai e filha.

Em meio a um cotidiano familiar aparece Kotori, aluna de Kouhei, uma personagem bastante complexa, e que inicialmente não nos foi permitido desvendar seus segredos, mas admito que me surgiu a impressão de um romance proibido entre professor e aluna.

Enredo: 9.0
Motivo: Apesar de não tão comuns a ponto de se chamarem clichês, as histórias em que um cara está cuidando de uma criança já foram vistas algumas vezes, mas nessa em específico já temos um diferencial que foi o que me atraiu inicialmente: Ele é de fato pai da menina, uma coisa que não gostam muito de fazer nos animes, talvez por medo de deixar nem que seja só subentendido que tal personagem não é virgem ou algo assim.

Sei que teremos um desenvolver leve focado nas dificuldades de criar um garota estando sozinho e isso me agradou muito em todos os animes do tipo que já vi.




Abertura/Encerramento: 8.0
Motivo:  Abertura alegre, cheia de cores e movimentos, rica em cenários e personagens, uma abertura nada economizada, ao som de "Harebare Fanfare", uma música que encontrou êxito em acompanhar a animação de abertura. Como introdução ao anime, a abertura conseguiu criar curiosidade de expectativa para o que vem a seguir, além de ser divertida.

O encerramento bem mais econômico, conta com cenas estáticas e fundos abstratos, além de uma música calma e quase nenhum movimento. De fato um encerramento bem pobre, mas que cumpriu sua missão muito bem, encerrando o episódio com bastante calma e leveza.

Abertura/Encerramento: 8.0
Motivo: A abertura se focou na visão do mundo da garotinha, havendo ovelhas rosas voadoras e outras aventuras malucas, eu achei a música muito bem combinada com o tema e a própria abertura, que te coloca naquele clima de infância e desenvolvimento mesmo.

O encerramento como esperado já é mais suave, porém sem perder a qualidade ou capricho e com uma música que me encheu tanto de uma boa nostalgia que preciso dela em minha mesa agora.



Expectativa: 9.0
Motivo: Aposto muito nesse anime, mas não como um anime que vai ter desenvolvimento ou que fará gargalhar... Apenas não sei explicar, o clima de relaxamento e descoberta dele é algo que te carrega e te prende, sinceramente não vou me permitir deixar esse anime para depois. 

Expectativa: 9.0
Motivo: Minha expectativa sobre essa obra é muita. Admito que desejo um segundo episódio que vá mais além em explorar os personagens. Deposito confiança que esse será o anime mais divertido e relaxante da temporada, espero rir e me emocionar com os conflitos e desfechos que devem vir dessa proposta bem interessante.