Top Ad unit 728 × 90

Critica de animes #48 - One Outs

Este quadro, como o nome já diz, é onde eu trarei a Review de um anime diferente por semana. Como quem já acompanha o Animes Tebane há algum tempo sabe, eu já vi uma quantidade imensa de obras tanto famosas quanto mais "feitas no fundo do quintal" e sabe também que eu observo sempre os pontos mais detalhados de cada anime, seja de cenário, enredo, trilha sonora e ambientação em si... Ou seja, mesmo antes deste quadro nascer, em minha mente eu já fazia Reviews dos animes que assistia; Mas que agora serão todas colocadas "no papel" para que vocês possam ler e comentar.

Segue abaixo a Review desta semana!


***
Hoje não teremos essa introdução aqui, eu não tenho e nem sei o que dizer...Vamos começar One Outs hoje...

Inclusive ai tá a dica, já abre o dicionário Otaku
Clique aqui se não tem experiência nesse mundo de animes.



Nome:One Outs
Ano de lançamento: 2008
GênerosSeinen, Esportes, Psicológico.
Numero de episódios:
25




















One Outs conta a historia de Tokuchi Toua, um homem que se interessa apenas em lucrar, e para isso usa sua imensa capacidade de manipular pessoas para ganhar dinheiro em apostas. Sua especialidade é o One Outs, um jogo de apostas ilegais, que funciona como uma forma reduzida do Baseball, com regras bem simples e apostas muito altas. Toua tem uma inteligência fora do normal, e sua capacidade de ler seus adversários o torna um verdadeiro monstro no jogo. Um dia seu caminho acaba se cruzando com o de Kojima Hiromichi um jogador profissional de Baseball que é aclamado como um gênio do esporte, e que apesar de ser tido como um dos melhores do país, mesmo assim  jamais venceu um campeonato com seu time. Kojima acaba enfrentando Toua em seu jogo ilegal, e após alguma adversidade acaba o vencendo, e como prêmio por sua vitória o leva para jogar profissionalmente em seu time, que nessa altura não está indo nada bem. Toua agora em sua nova vida "Honesta" tem que enfrentar não só a imensa capacidade e habilidades de seus novos inimigos que agora são todos profissionais, como também tem que enfrentar a enorme pressão do presidente corrupto do clube pelo qual joga.


Podemos dizer que com um enredo assim, temos um anime além de esportivo, psicológico, e isso que faz de One Outs uma obra única, afinal de contas ele aborda esse lado tão complicado dos esportes, o lado do lucro independente da vitória ou justiça. É notável que temos um enredo muito culto e que certamente escolhe muito bem seus fãs, fazendo o anime ser aquele tipo que "Ou você ama" "Ou você despreza", essa característica pode parecer ruim, mas eu adoro isso. Me cansa ver animes em que tudo é pré-programado para que todos amem o protagonista, personagens preparados para o que o publico masculino pense "Eu quero ser esse cara"  e o feminino pense "Olha como ele é lindo", realmente One Outs passa longe disso, sendo um tipo anime Old School, que é um estilo que atualmente voltou a fazer sucesso, com obras recém lançadas que parecem ser inovadoras, quando são simplesmente, antigas.

Dos personagens vale citar o protagonista Toua, ele certamente é memorável, com sua personalidade soberba e suas ações inicialmente injustificáveis, que após alguns movimentos se revela uma estratégia incrível. Até mesmo o design gráfico do personagem é interessante. Podemos dizer também que os demais personagens são muito bons.

Trilha sonora viciante, vale gastar um tempinho baixando a musica de abertura e encerramento para ouvir mesmo após o anime terminar.

Os cenários e design gráfico dos personagens é muito bonito para a época, e certamente é o estilo que mais me agrada.





Vamos aos contras.
O anime tende a ser um pouco repetitivo em suas "problemáticas". Como posso dizer, o drama, o ápice das situações propostas são sempre resolvidas de forma tão semelhante que chega a tirar um pouco o brilho do anime. Essa repetição de problemas e soluções semelhantes deixa o anime um pouco previsível.
Outro ponto negativo, é que o anime foca em um esporte, e não o explica. Mesmo que o Baseball seja popular no Japão, o autor pecou em jogar tantas regras e jogadas tão complexas, sem ao menos uma explicação básica de todo o esporte, tudo que temos é um narrador que ao decorrer de algumas jogadas explica os fatores técnicos.


O autor por trás da obra é Shinobu Kaitani. Não há muito o que falar dele. É um mangaká comum, do tipo que não conseguiu grandes sucessos seguidos, fez sucesso com One Outs em 1998 arrastando até 2009. Ganhou em 1991 o conhecido e importante prêmio Tezuka. Tem outros trabalhos, porém nenhum de igual importância como One Outs, que foi seu único trabalho adaptado para anime.



Indico esse anime para quem curte animes de esporte! Bom, eu diria que seria interessante que você já conhecesse as regras do Baseball antes de ver esse anime, e quem sabe seria bom já ter visto outros animes do mesmo esporte para não ter nenhum susto inicial. Indico também para quem gosta de enredos Seinen mergulhados em um tema mais psicológico.

 
Nota final: 7.5

Abaixo de nota 5 seria o que eu aconselho não ser assistido.*

Índice com outras Reviews: Aqui

Até a próxima semana pessoal, e cuidado com as apostas!
Se alguém tiver alguma sugestão para próxima critica ou tiver um comentário, post abaixo!



Critica de animes #48 - One Outs Revisado por Jhonatan A. Gonçalves em sexta-feira, outubro 30, 2015 Nota: 5
Todos os direitos reservados Animes Tebane © 2014 - 2017
Hospedado no Blogger, tema desenvolvido por Sweetheme

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.