Top Ad unit 728 × 90

Critica de animes #44 - Hunter X Hunter - Kurapika Vai te pegar!

Este quadro, como o nome já diz, é onde eu trarei a Review de um anime diferente por semana. Como quem já acompanha o Animes Tebane há algum tempo sabe, eu já vi uma quantidade imensa de obras tanto famosas quanto mais "feitas no fundo do quintal" e sabe também que eu observo sempre os pontos mais detalhados de cada anime, seja de cenário, enredo, trilha sonora e ambientação em si... Ou seja, mesmo antes deste quadro nascer, em minha mente eu já fazia Reviews dos animes que assistia; Mas que agora serão todas colocadas "no papel" para que vocês possam ler e comentar.

Segue abaixo a Review desta semana!


***
Hoje estarei fazendo Remake de uma antiga critica que tinha pouca qualidade, se o anime teve Remake, por que não a critica? Hoje falaremos sobre a Fantástica historia de Gon, e seus amigos, Leorio, Killua e Kurapika ( ͡° ͜ʖ ͡°).

PS: Se não conhece o anime, Kurapika é um personagem.


Inclusive ai tá a dica, já abre o dicionário Otaku
Clique aqui se não tem experiência nesse mundo de animes.



Nome:Hunter X Hunter
Ano de lançamento: 1998 (Original) 2011 (Remake)
GênerosAção, Shounen, Aventura
Numero de episódios:148


A série conta a história de Gon Freecss, um garoto de 12 anos que pretende se tornar um Hunter, um caçador de tesouros, lugares perdidos e criaturas estranhas.
Contudo, ao contrário da maioria dos Hunters que procuram fama e dinheiro, o herói da história tem uma motivação maior para querer ser um caçador – encontrar seu pai – um dos mais famosos hunters do mundo.
Mas não é qualquer um que pode se tornar um Hunter. Para poder praticar essa reconhecida profissão, é necessário ter uma licença especial – e para tirá-la é preciso passar – e sobreviver – a exames com milhares de inscritos. Uma vez aprovado e com sua licença Hunter em mãos, o caçador passa a ter direito a acessar áreas restritas, informações secretas e consegue acumular facilmente uma grande fortuna de acordo com seus feitos, incluindo ir atrás de Hunters que usam seus poderes para objetivos escusos.







O anime já era bom na sua versão original criada em 1998, realmente muito bom, porém tinha filler, alguns erros de enredo, e infelizmente grandes atrasos de lançamento.Entretanto após ter o remake criado tudo melhorou, a animação é surpreendente e o enredo fantástico, superando até mesmo os animes shounen mais famosos nesses quesitos; O anime avançou formidavelmente, finalizando no fim de 2014 por ter encontrado com o mangá, que até atualmente está em Hiato.

A representação dos combates é perfeita, acontecendo sempre uma limpa explicação narrada dos fatos, que gera cada vez mais emoção, isso sem duvida faz com que o anime seja único, mas não só isso, como o fato de que Yoshihiro Togashi é um gênio que consegue muito bem passar a emoção de seus personagens para seu publico, e como resultado dessa fantástica habilidade podemos desfrutar de um enredo cheio de emoção e adrenalina, conseguindo criar expectativa em todos os fãs, coisa que infelizmente a maior parte dos demais animes do gênero, atualmente não conseguem mais apresentar.
HunterXHunter tem um enredo que nos apresenta um mundo bem detalhado e vasto, apresentando sua própria cultura, e até mesmo sua própria escrita durante o decorrer do enredo, e obviamente com tanta imaginação o enredo não poderia deixar de apresentar habilidades únicas para seus personagens, que ao decorrer do desenvolvimento do enredo evoluem suas habilidades as moldando das mais diferentes formas, posso afirmar que a evolução dos personagens ao decorrer do enredo é assustadora...


Os personagens seguem esse ritmo de criatividade, sendo cada um deles mais incrível que o outro, é fenomenal assistir os personagens criados por Togashi em movimento, cada um com personalidade complexa e única, e a falta do protagonismo na obra completa a perfeição que é o arsenal de personagens apresentados nesse anime. O protagonista Gon Freecss é diferenciado dos demais protagonistas da revista Shounen Jump, revista em que o mangá de HXH é publicado, e só isso já o rende um elogio, e para melhorar ele não é um protagonista que recebe a dádiva do protagonismo. Todos os personagens são incríveis, é difícil falar apenas de um, afinal de contas até mesmo os "vilões" conseguem conquistar seus fãs, por suas habilidades e personalidades únicas, além das aparências bem criadas, é claro.
Agora, sobre cenários e traços em geral, realmente não posso deixar de apenas elogiar, afinal é uma perfeita obra nesse sentido.
A trilha sonora é um pouco repetitiva, não variando muito, porém ela está nos prós não é? Afinal de contas, ela é repetitiva, e pouco muda por temporada, porém ela é muito boa ainda, repetitiva sim, ruim nunca, então fica aqui...





Porém o anime não é tão perfeito assim, quem já assistiu sabe que o anime só se torna realmente viciante após alguns 20 episódios.Os primeiros episódios do anime são bem fracos, afinal ao contrario dos animes do gênero, como One Piece, Naruto e outros, o personagem principal não demonstra poderes no primeiro episódio, na verdade só acaba demonstrando que o anime terá "poderes", após uns 30 episódios, na saga da torre celestial! Isso espanta muito publico, porém sou capaz de afirmar que após vencer essa barreira dos primeiros episódios, esse anime acaba se tornando um dos melhores shounens até atualmente.

Yoshihiro Togashi, Criador de Hunter X Hunter, mas não só isso, como também criador do mundialmente famoso "Yu Yu Hakusho", e de quebra "Level E" precisa falar mais sobre tal gênio? Bom, talvez tenha algo interessante...Ele é casado com  Naoko Takeuchi, criadora do também muito famoso Sailor Moon... Além de tudo Yoshihiro é mundialmente conhecido por sua grande e incrível preguiça...


Indico esse anime a todos que gostam de assistir animes shounens clássicos, seguindo aquele estilo Jump que já conhecemos, apesar disso indico também para quem busca um Shounen mais violento, em todo caso é uma boa dica de anime Battle Shounen.
 
Nota final: 9.5

Abaixo de nota 5 seria o que eu aconselho não ser assistido.*

Índice com outras Reviews: Aqui

Até a próxima semana pessoal, e cuidado com o Kurapika!
Se alguém tiver alguma sugestão para próxima critica ou tiver um comentário, post abaixo!



Critica de animes #44 - Hunter X Hunter - Kurapika Vai te pegar! Revisado por Jhonatan A. Gonçalves em sexta-feira, agosto 28, 2015 Nota: 5
Todos os direitos reservados Animes Tebane © 2014 - 2017
Hospedado no Blogger, tema desenvolvido por Sweetheme

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.